AmbScience

remediação de solo

Solos contaminados necessitam de remediação de solo

Decorrente de fatores diversos, algumas regiões podem sofrer com contaminação de solo. Para sanar esse problema, deve ser feita uma remediação do solo. Alguns tipos de contaminação de solo são mais comuns e ocorrem com mais frequência, devido a ação do ser humano no meio ambiente. Por exemplo: terrenos próximos a lixões, cemitérios e postos de gasolina.

Os poluentes presentes nesses locais infiltram no solo, deixando-o inadequado para prática da agricultura e também para construção de casas ou comércios. Em alguns casos, a contaminação do solo torna a área inapropriada para continuar sendo ocupada. Além de tudo isso, essa contaminação é um fator agravante para o meio ambiente, já que pode sofrer migração e atingir outros locais. Uma vertente desse problema é a contaminação da água que pode atingir o lençol freático e torna-lo inutilizado para diversas atividades.

Qual o objetivo dessa remediação de solo?

O objetivo da remediação de solo é primeiramente, verificar as áreas suspeitas e comprovar sua contaminação. Após isso, tem como característica retirar ou, ao menos, atenuar a concentração do contaminante, utilizando diversos métodos de engenharia ambiental. Dessa forma, a concentração deve ser reduzida aos limites pré-determinados na Avaliação de Risco a Saúde Humana ou as leis vigentes daquele local.

Existem diversos tipos de remediação, os principais são: remoção e destinação do solo, biorremediação, escavação, extração multifásica; extração de vapores do solo, tecnologias térmicas, injeção de ar, oxidação química in-situ e algumas outras.

Vale lembrar que antes de começar uma remediação ambiental (solo ou água) são necessários alguns outros processos de investigação e avaliações. Para conseguir recuperar uma área contaminada, é essencial seguir alguns passos.

Entenda quais são os passos:

– Avaliação Preliminar: onde é estudado o histórico do local;

– Investigação (Confirmatória, Detalhada, Complementar). Essa parte do processo busca comprovar se o solo realmente está contaminado. Além disso, verifica se realmente é necessário fazer a remediação do solo. Isso inclui a verificação do grau e tipo de contaminações;

– Avaliação de risco, tendo como referência todos os dados coletados anteriormente;

– Criação do projeto de remediação de solo. Deve seguir os procedimentos já citados acima para atingir o desejado. Ou seja, recuperação da região, deixando-a própria para moradia, comércio e/ou agricultura.

Informe-se sobre esses e outros assuntos e conheça os nossos serviços – AmbScience Engenharia: através do e-mail contato@ambscience.com ou no telefone 011 3197-4780.

COMPARTILHAR: Facebook - Twitter - Google+